>Assista os vídeos do KIT Anti-homofobia na escola


>

Uma discussão desnecessária se mostra a polêmica em volta dos vídeos do programa Escola Sem Homofobia por parte de parlamentares evangélicos em todo o país. Assistimos a prévia dos vídeos produzidos pelo Instituo Ecos – Comunicação em Sexualidade -para o Ministério da Educação (MEC) que circulam na internet e não vimos nada que o censure para ser apresentado a estudantes de escolas de ensino médio. O material, bem elaborado, trabalha de forma lúdica o combate à homofobia e apresenta, sem apologias, histórias sobre gays, lésbicas, bissexuais e até de uma transexual. Não há imagem forte ou informação que um estudante de segundo grau não saiba. O mérito do material é despir os preconceitos e mostrar que os LGBTs devem ser respeitados.

De forma didática, o material explica o que é cada segmento e diz que o preconceito não é justo, pois somos todos iguais. O material já foi aprovado pela UNESCO e pelo Conselho Federal de Psicologia. Quando aprovado pelo MEC, será apresentado a alunos de 6 mil escolas por seus professores que serão capacitados para debater o tema em sala de aula. Um grande avanço para a Educação do país que hoje é recordista em assassinatos de homossexuais e registra diariamente agressões homofóbicas.

O material ainda não foi aprovado e está em fase de testes, inclusive com estudantes, para que seja verificado o que os alunos acham do projeto que surgiu após uma pesquisa que indicou que o preconceito e violência contra homossexuais nas escolas estava fomentando a evasão escolar. O bullying homofóbico também é apontado como grande causa de suicídios em adolescentes. Uma cartilha também auxilia os professores no debate do tema em sala de aula, lembrando que a mesma pesquisa, de 2004, constatou alto índice de rejeição aos alunos gays entre os educadores.
Os três vídeos: Probabilidade, Encontrando Bianca e Torpedo trabalham a auto-estima dos estudantes gays e combatem o preconceito na comunidade escolar. Lembramos mais uma vez que os vídeos a seguir estão em fase de teste. Se essas forem as versões finais, podem contar com nosso apoio. 

Torpedo

Duas meninas trocam mensagens por celular ao descobrirem que fotos das duas juntas em uma festa pararam na internet e viraram motivo de chacota entre os alunos. Elas decidem assumir que estão juntas para todos.

Encontrando Bianca

Uma transexual conta como foi sua vida na escola depois que assumiu sua identidade feminina. Bianca está disposta a lutar por respeito e quer estudar para um dia ser professora.

Probabilidade

Um rapaz que mudou de cidade recentemente descobre que também gosta de garotos. Apesar do preconceito, ele percebe que a probabilidade de ser feliz é maior por ser bissexual.



fonte:lado a

Sobre STOP HOMOFOBIA

promovendo a LUTA contra homofobia e à favor dos direitos GLBT

Publicado em 20 de abril de 2011, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: