>Humor ou preconceito?


>

 
“uma serva do senhor no mundo da internet”

Até onde uma piada é apenas uma piada e quando ela passa a ser preconceito?

“o riso (em tese, o principal objetivo da piada) é considerado como algo saudável, pois libera endorfina (hormônio produzido no cérebro que produz sensação de bem-estar e alivia a dor), além de diminuir a pressão arterial e aliviar a tensão.”

Entre todas as “categorias de piadas”, os temas: política, étnicas e sobre minorias,piadas de louras, são as mais comuns e as mais cheias de “pré-conceito”.
Delas saem absurdos como: “toda loira é burra, todo politico é corrupto, todo gay é afeminado” etc.

Rafinha Bastos, do CQC, disse em uma entrevista para o site Ofuxico:

“Humor não pode ter preconceito, e dizer que um humor é do bem e outro é do mal, isso é preconceito(…) Rafinha acredita que a piada não pode ter limite e se sente no dever de quebrar as barreiras do humor. “Para muitos, a piada tem limite. Para mim não. E eu, como alguém da televisão, tenho a obrigação de levar esse limite para longe.
 
Eu sou o tipo de pessoa que faz piada de cadeirante, com um cadeirante na plateia. Se eu fosse escolher a piada pela presença dele, aí seria preconceito”, contou.

Cleycianne: Pra rir ou pra chorar?

Thiago Henrique Ferreira, um funcionário público e estudante de arquitetura de 26 anos, que teve a idéia de criar a personagem cleycianne durante uma crise de tédio. Sem nada pra fazer e inspirado nos programas de humor evangélicos da TV e na convivência com crentes fervorosos, produziu um fenômeno que arrebata atualmente 20 mil acessos diários.
Thiago diz que se diverte com estes programas e reproduzir isso num blog que comenta a vida de celebridades na concepção de uma evangélica fanática.
alguns internautas acreditam que Cleycianne realmente exista e o pior, que o que ela escreve deva ser levado a sério.

Os textos, de tão insólitos, chegam a ganhar um tom humorístico. Um exemplo é o post sobre a cantora Rihanna, que apanhou de seu namorado. A blogueira diz: “Rihanna não deve ter feito o papel de uma mulher cristã de verdade e não se calou diante da vontade de seu homem”.

Como uma cristã radical, Cleycianne não se esqueceu de colocar os homossexuais na boca do fogo do inferno. Para os gays, ela usou como exemplo Madonna: “Madonna não acredita na Bíblia, duvida da palavra do Senhor e leva milhões de homossexuais para os seus shows, onde se esfregam e até chegam a ejacular uns nos outros”.

Sinceramente, não sei se caio na gargalhada, porque os textos de tão ridículos chegam a ser cômicos. Porém, se alguém acredita no que está escrito, vai crer que nos shows de Madonna há sexo entre homossexuais na plateia, ser homossexual é algo errado, mulher tem de apanhar e ser submissa,etc. 

Sobre cleycianne, acredito que seja mais uma critica aos evangelicos fervorosos.E é obvio que é uma grande brincadeira embora de muito mau gosto.

Sobre STOP HOMOFOBIA

promovendo a LUTA contra homofobia e à favor dos direitos GLBT

Publicado em 25 de janeiro de 2011, em Duvidas e GayHelp, Midia e entretenimento. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: